1 - 9 de 58 artigos

Miguel Oliveira Panão

Cronista

Professor na Universidade de Coimbra e Doutorado em Engenharia Mecânica pelo Instituto Superior Técnico. Membro do Movimento dos Focolares. Pai de 3 filhos, e curioso pelo cruzamento entre fé, ciência, tecnologia e sociedade. O último livro publicado em self-publishing intitula-se KeepUp - Organização do Tempo de Estudo à venda na Amazon. Em filosofia, co-editou Ética Relacional: um caminho de sabedoria da Editora da Universidade Católica.

Blogues: Saber Aprender e  Ciência e Fé. 

Tempo de Leitura: 5

Toque

1 outubro 2020  •  Leitura: 5

A sensibilidade ao toque é diferente. Antes colocava a mão em qualquer manípulo, fosse do elevador, ou das portas de entrada no prédio. Antes carregava em qualquer interruptor de luz. Não me importava de tocar na mão do outro, na sua cara. Mas a pandemia veio alterar cada toque.

1 outubro 2020

Tempo de Leitura: 6

Mói

24 setembro 2020  •  Leitura: 6

A pandemia mói.  Mói o juízo por nos impedir de fazer aquilo que gostaríamos.  Mói por nos obrigar a alterar o modo de ser e estar.  Mói por nos colocar num estado permanente de alerta quando saímos do nosso ambiente. 

24 setembro 2020

Tempo de Leitura: 4

Padrões

17 setembro 2020  •  Leitura: 4

Enquanto aguardava pelo aspirador para tratar da sala, olhei para as cadeiras dispostas em cima da mesa e reparei que faziam um padrão. Não era regular, mas também não era irregular. Uma imagem simples que me levou a pensar em como são os padrões que orientam muito a nossa vida.

17 setembro 2020

Tempo de Leitura: 5

Descida

10 setembro 2020  •  Leitura: 5

Qual a maior queda? Quando tropeço ao subir as escadas, ou quando estou a descer?

10 setembro 2020

Tempo de Leitura: 6

Instante

3 setembro 2020  •  Leitura: 6

Será possível que a decisão tomada num instante possa mudar a face do planeta tal como o conhecemos? Sim. E a face a que me refiro, felizmente, é a que conheces. Pois, se Stanislav Petrov tivesse confiado na tecnologia, em vez de confiar na sua interioridade humana, o mundo seria bem, mas bem difere

3 setembro 2020

Tempo de Leitura: 6

Céu

27 agosto 2020  •  Leitura: 6

O céu azul, límpido e que muda de cor ao longo do dia é uma oportunidade de contemplação de imensidão e evolução. Quando pensamos no céu como limite é como se quiséssemos tornar visível o infinito abstracto num finito concreto. Pois, quem se dirige para o céu sem parar por um tempo infinito só pára

27 agosto 2020

Tempo de Leitura: 4

Chave

20 agosto 2020  •  Leitura: 4

E se as portas não tivessem chave? Seria porque nos sentimos seguros de que ninguém as abre para violar a nossa privacidade. Mas a realidade é que as chaves existem. Quantas tens no teu porta-chaves? Que portas abrem e o que significam essas portas para ti?

20 agosto 2020

Tempo de Leitura: 5

Dualidade

13 agosto 2020  •  Leitura: 5

Desafiando a definição que encontramos em muitos dicionários, convido-o a pensa na dualidade como uma unidade indivisível de dois elementos distintos e inseparáveis cuja tensão entre si e relacionamento lhe conferem uma riqueza e dinamismo incomparáveis.

13 agosto 2020

Tempo de Leitura: 4

Café

6 agosto 2020  •  Leitura: 4

Indiscutivelmente a bebida mais famosa do mundo, depois da água. De manhã, há quem não consiga pensar sem primeiro ter tomado o seu café. Num dia de inverno, colocar as mãos frias na chávena de café pode ser um momento de autêntica teologia. Isto é, somos interiormente levados a agradecer a Deus, e

6 agosto 2020

    Subscrever Newsletter

    Receba os artigos no seu e-mail