E se não houvesse amanhã?

Crónicas 1 outubro 2021  •  Tempo de Leitura: 1

E se não houvesse amanhã? Esta pergunta pode ser incomodativa ou introspetiva. No entanto, o propósito da escrita desta semana e da pergunta em si, não é gerar sentimentos de tristeza, mas antes de liberdade. Por isso, convido-te a entrar no desafio desta semana de coração aberto e predisposto a seres mais pleno na vida de todos os dias.

 

E se não houvesse amanhã? Continuarias focado naquilo que te tem tirado horas de sono? Estarias preocupado com o que os outros pensam ou dizem de ti? Manterias a mesma postura rígida sobre certas pessoas e temas?

 

E se não houvesse amanhã? A quem perdoarias ou pedirias desculpa? A quem ligarias a declamar verdadeiras poesias de amor? A quem correrias para uma contemplação sem fim? A quem procurarias para ser a tua morada?

 

E se não houvesse amanhã? Ajudarias mais e melhor? Ou ficarias ainda mais fechado em ti? Serias capaz de gravar no teu coração o rosto daqueles que se cruzariam contigo?

 

E se não houvesse amanhã? Arranjarias mais tempo do que aquele que dizes ter agora? Permitirias que o teu olhar se moldasse segundo as verdadeiras necessidades do mundo? Deixarias que te falassem de como todos partilham do mesmo dom que tu?

 

E se não houvesse amanhã? Continuarias a negar o amor de Deus àqueles a quem achas que não tem as melhores andanças?

 

Hoje, antes de voltares para o teu quotidiano, pergunta-te: será mesmo preciso não haver amanhã para te tornares mais e melhor no dia de hoje?

Nasceu em 1994. É estudante do Mestrado Integrado em Psicologia na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto. É acólito e catequista. Adora pensar e pôr os outros a pensar. “Porque nem tudo faz sentido...” é o nome do seu blog e da sua primeira obra literária lançada em 2014. Desbrava um caminho de encontro consigo mesmo, com o outro e com Deus. “Minh'alma anseia por mais de Ti. Meu coração só deseja a Ti. Lembro do dia em que Te conheci. A minha vida mudou. A minha vida mudou.”.

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail