À Sua espera

Crónicas 3 julho 2020  •  Tempo de Leitura: 2

Às vezes passamos uma vida inteira à Sua espera. Na esperança que Ele nos entre pela porta adentro. Que nos arrebate por inteiro e que não deixe dúvidas que realmente está presente e ativo.

 

Somos capazes de permanecer nesta espera. Mantendo uma esperança vazia e sem nenhuma ação achando que este Deus Se revelará como quisermos e quando quisermos. Esquecendo que Ele não atua deste jeito. Ele não anula as leis do mundo e da vida em que vivemos, mas move-Se e deleita-Se sobre elas.

 

Ficamos tanto tempo à Sua espera que nem reparamos na Sua chegada. Ficamos embutidos num círculo vicioso que não nos permite ver a Sua ação simples e discreta. Caímos nesta cegueira que não nos deixa vislumbrar a Sua plenitude achando que ainda não chegou a nossa vez ou que não somos merecedores da Sua visita e estadia.

 

Ficamos tanto tempo à Sua espera, no entanto Ele já chegou e já fez morada em toda a nossa humanidade. Decidiu fazer juras de amor por tudo aquilo que somos, de bom e de mau, e mesmo assim não o sentimos. Parece ser algo inatingível. Parece permanecer tudo tão fora do nosso alcance que nem a Palavra consegue dar forma à Sua forma.

 

Ficamos tanto tempo à Sua espera e quando nos apercebemos estivemos este tempo todo à nossa espera. À espera de nos aceitarmos. À espera de percebermos que n'Ele tudo pode recomeçar. À espera de nos sentirmos merecedores do amor, de sermos amados incondicionalmente. À espera de sermos novamente recebidos em Sua casa de braços abertos e prontos a comer à Sua mesa.

 

Às vezes passamos tanto tempo à Sua espera, quando na verdade Ele já Se instalou em nossa casa. Nós apenas não quisemos entrar na nossa porta!

Nasceu em 1994. É estudante do Mestrado Integrado em Psicologia na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto. É acólito e catequista. Adora pensar e pôr os outros a pensar. “Porque nem tudo faz sentido...” é o nome do seu blog e da sua primeira obra literária lançada em 2014. Desbrava um caminho de encontro consigo mesmo, com o outro e com Deus. “Minh'alma anseia por mais de Ti. Meu coração só deseja a Ti. Lembro do dia em que Te conheci. A minha vida mudou. A minha vida mudou.”.

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail