Santo do dia: S. Vicente de Paulo

«Sendo a Mãe de Deus invocada e tomada por padroeira das coisas de importância, não pode acontecer que tudo não vá bem e não redunde para a maior glória do bom Jesus, seu Filho», dizia o grande São Vicente de Paulo, padroeiro das obr

Marta ou Maria?

Na crónica da semana passada não pretendi abordar a questão da importância da Oração e da Ação. Era-me mais premente a questão da nossa atitude, enquanto cristãos, perante as diferentes formas de caminhar na fé e de saber re

Ninguém é anónimo

Saber o nome de alguém é começar a entrar no seu mistério. Não gostamos de escolher o nome do bebé quando ainda está na barriga da mãe? Deus pediu ao homem recém-criado que desse nome às criaturas e, na sabedoria bíblica, o

Santo do dia: S. Cosme e S. Damião

São Cosme e São Damião sofreram martírio em Ciro (na Síria), provavelmente durante a perseguição de Diocleciano, nos inícios do século IV. A data de 27 de Setembro corresponde provavelmente à dedicação da basí

6 dicas para os jovens cristãos estarem nas redes sociais

Está a decorrer em Brasília, de 23 a 25 de setembro, o Congresso de Jovens Shalom (CJS). É um evento promovido pela comunidade católica shalom, que acontece anualmente desde 1989 e reúne jovens do mundo inteiro. O encontro procura aprofundar a experiênci

O hoje é eternidade

"Era impossível que tanto o homem rico como seus amigos não vissem Lázaro, que estava sentado na porta da casa. Mas a indiferença o tinha tornado invisível aos seus olhos...."   O comentário do Evangelho, correspondente ao 26° Domingo do Tempo Com

Papa a catequistas: insensibilidade de hoje escava abismos

O Papa Francisco presidiu, neste domingo (25/09), na Praça São Pedro, a celebração eucarística do Jubileu dos Catequistas.   Em sua homilia, o Pontífice sublinhou que o Apóstolo Paulo dirige a Timóteo, e a nós também, algum

Mesa da Palavra: QUANDO LÁZARO SAI DA PARÁBOLA…

1. A parábola que nos é dado escutar neste Domingo XXVI do Tempo Comum, conhecida por «O rico avarento e o pobre Lázaro», narrada em Lucas 16,19-31, tem duas coisas únicas: a primeira reside no facto de ser a única parábola de Jesus em que uma pe