WEB: Taizé online

Pastoral da Comunicação 11 janeiro 2019  •  Tempo de Leitura: 3 min

A capital espanhola acolheu entre 28 de dezembro e 1 de janeiro o já habitual Encontro Europeu de Jovens da Comunidade de Taizé. Este ano dedicado ao tema “Não esqueçamos a hospitalidade”, milhares de jovens, entre os quais 600 portugueses, foram desafiados a “contribuírem para a construção de um futuro marcado pela cooperação e não pela competição”. Todos os anos, entre o Natal e o Ano Novo, a Comunidade de Taizé anima um «Encontro Europeu» numa grande cidade da Europa para uma nova etapa da «Peregrinação de Confiança através da Terra», iniciada pelo irmão Roger no final dos anos 70”.

 

Inspirado por este evento, permitam-me então esta sugestão de navegação neste fabuloso sítio que se encontra disponível no endereço www.taize.fr/pt.

 

Logo na página inicial encontramos as ultimas atualizações, os principais destaques, a agenda com os próximos eventos e ainda as últimas publicações colocadas na rede twitter.

 

Ao clicarmos em “Comunidade” podemos aprofundar o conhecimento sobre este grupo. Nomeadamente a sua história e vocação, o seu trabalho, como vivem, conhecer o Irmão Roger bem como outros acontecimentos marcantes.

 

O fundador de Taizé, Irmão Roger, “insistiu frequentemente na importância da música e do canto na vida da comunidade desde as suas origens”. Em “Às fontes da Fé” acedemos à principal área deste sítio. Aqui podemos encontrar o esquema de uma oração «com cânticos de Taizé», páginas sobre os cânticos meditativos, sobre o modo de cantar estes cânticos, sobre o valor do silêncio, sobre a preparação do local de oração, a utilização dos ícones, registos sonoros, etc.

 

Se pretende aprofundar melhor o conhecimento referente às vivências ocorridas nesta comunidade, basta que aceda a “vir a Taizé”. Aqui poderá perceber que deslocar-se até esta região francesa situada entre Chalon-sur-Saône e Mâcon o poderá “ajudar a olhar a vida quotidiana de outra forma”, encontrando uma “grande diversidade de pessoas e a refletir sobre empenhos na Igreja e na sociedade”. Pois em Taizé “todos participam na vida comunitária e no programa proposto”.

 

Para finalizar na opção “no mundo”, acedemos a uma área que procura dar resposta a uma pergunta que muitos dos jovens que fazem a experiencia de Taizé lançam: como poderão continuar o que aí descobriram, quando regressarem às suas casas? A resposta dada pelos irmãos é de os encorajar “para que se comprometam nos locais onde moram e nos seus países, nas suas paróquias e comunidades locais”. Assim nesta área descobre notícias dos próximos encontros e visitas dos irmãos a vários países, relatos de encontros, informações sobre orações regulares, gestos concretos de solidariedade humana.

 

No arranque de mais um ano considero pois relevante olhar para o exemplo de “uma comunidade onde a bondade do coração e a simplicidade estão no centro de tudo”.

Fernando José Cassola Marques

Pastoral Comunicação

Sugestões Mudltimédia no Semanário Ecclesia.

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail