Dar crédito a Jesus!

Crónicas 02 agosto 2019  •  Tempo de Leitura: 2 min

Acreditar em Jesus Cristo vai muito para além de uma ideia ou de uma história feita. Acreditar em Jesus Cristo é confiar que Ele caminhará para sempre nas águas agitadas da nossa vida e, em todos os momentos, nos confortará com a Sua presença que, não se impondo, vai-se propondo a ficar.

 

Confiar em Jesus Cristo é saber que Ele estenderá os seus eternos braços depois de andarmos por um caminho construído na berma da Sua palavra, repleto de curvas com destinos a becos sem saídas, mas que no regresso dos Seus abraços encontraremos a via rápida de um amor desmedido.

 

Dar crédito a Jesus Cristo não é cobrar-lhe pedidos sem juros, nem intenções disfarçadas de orações. Dar-Lhe crédito é descontar toda a nossa vida em Si e perceber que n'Ele, por Ele e com Ele seremos eternamente resgatados numa confiança que chega a ser absurda para nós, mas que aos Seus olhos seremos em todo o tempo os Seus mais que tudo. 

 

Crer em Jesus Cristo é saber que o Seu maior milagre vai acontecendo à volta de uma mesa que ateima a unir e a reunir todos os que se deixam alimentar pelo pão do Seu corpo e pelo vinho do Seu sangue que sendo tão humano é ao mesmo tempo tão divino. Colocar as fichas todas em Jesus Cristo é encontrá-Lo na partilha que, contagiada pela bondade e pela humildade, transforma-se em milagre da multiplicação, porque n'Ele todos nos multiplicamos. N'Ele tudo nasce e renasce. N'Ele toda a vida ganha ainda mais vida, porque dando-Se por inteiro traçou caminho verdadeiro que o eleva para a tão desejada Vida. 

 

Dar bom nome a Jesus, e assim colocar-Lhe toda a nossa fé, é saber que a nossa confiança não perderá as incertezas, os medos ou as dificuldades, mas que seremos banhados nas redes da Sua compaixão e suportados pela âncora da Sua eterna misericórdia. 

 

Acreditar em Jesus Cristo é arriscar ser riscado pelo Seu Evangelho! 

Nasceu em 1994. É estudante do Mestrado Integrado em Psicologia na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto. É acólito e catequista. Adora pensar e pôr os outros a pensar. “Porque nem tudo faz sentido...” é o nome do seu blog e da sua primeira obra literária lançada em 2014. Desbrava um caminho de encontro consigo mesmo, com o outro e com Deus. “Minh'alma anseia por mais de Ti. Meu coração só deseja a Ti. Lembro do dia em que Te conheci. A minha vida mudou. A minha vida mudou.”.

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail