Alicerçar a vida na interioridade

Crónicas 06 dezembro 2018  •  Tempo de Leitura: 1 min

A profundidade ou superficialidade com que vivemos a vida 

depende, sobretudo, da interioridade. 
Uma interioridade que precisa cada dia de ser escavada 

e encontrar a pureza e a essência mais vital da nossa existência, 

no silêncio. 
Alicerçar a vida na interioridade 

é a certeza de que esta vida, sendo dom e dádiva, 

não desmorona com qualquer tempestade.
Alicerçar a vida na interioridade

é condição não de uma sobrevivência -existindo pela metade -mas de experimentar já aqui a vida em plenitude.
Alicerçar a vida na interioridade 

é um trabalho diário em qualquer idade.
Alicerçar a vida na interioridade 

é reconhecer bênçãos no meio de dilúvios.

 

E são estas bênçãos, pequenas gotas de orvalho, que nos fecundam interiormente.
E não são as bênçãos a certeza de uma Presença Divina!?

  

É este o tempo para reconhecer e agradecer o tanto recebido! 

É este o dia de celebrar as esperas que vivemos e tantos natais acontecidos!

É esta a hora de inventariar as graças sobre graças que recaem sobre nós! 

É esta a certeza de um Deus já Presente que transporta o nosso ser para nascentes de infinito!

Cristina Duarte

Cronista

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail