Vídeo do Papa: Médicos e humanitária em zonas de guerra

Vaticano 06 abril 2019  •  Tempo de Leitura: 1 min

A presença de médicos, enfermeiros e demais profissionais de saúde em territórios de guerra é um sinal de esperança para as populações e uma afirmação do lado misericordioso dos conflitos. Quem o diz é o Santo Padre, na edição de abril de O Vídeo do Papa, pedindo a todos os católicos que rezem por estes profissionais de saúde.

 

 

Francisco assinala que estes médicos e seus colaboradores “arriscam a sua vida para salvar a vida de outros”, dando sinais de esperança e mostrando “o lado mais humano e misericordioso da guerra”.



Em 2016, no discurso a uma representação de médicos espanhóis e latino-americanos, no Vaticano, o Papa Francisco assinalou que o compromisso dos médicos “não assenta apenas nas sua competência técnica, mas principalmente na sua atitude compassiva e misericordiosa para com os que sofrem no corpo e na alma. A compaixão é, de certa forma, a alma da medicina. A compaixão não é «ter pena», é «padecer com»".


Realizado pela Rede Mundial de Oração do Papa, "O Vídeo do Papa" pode ser visto na Página oficial de O Vídeo do Papa, através do Canal do Youtube de O Vídeo do Papa e na Página do Facebook de O Vídeo do Papa.

Vatican News é um serviço informativo realizado pelas mídias da Secretaria para a Comunicação da Santa Sé.

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail