Vídeo do Papa: Francisco convida a viver a paz a partir do coração

Vaticano 07 novembro 2018  •  Tempo de Leitura: 4 min

“Podemos falar com palavras esplêndidas, mas, se no nosso coração não há paz, não haverá no mundo”, afirma o Papa, na edição de novembro de “O Vídeo do Papa”, convidando os fiéis a viverem a paz a partir do coração e a praticá-la nas pequenas coisas e nas relações sociais.

 

 

Francisco elegeu como intenção de oração para este mês “a transmissão da paz” e, neste sentido, pede que “rezemos juntos para que a linguagem do coração e do diálogo prevaleça sempre sobre a linguagem das armas”.

 

“Com zero violência e cem por cento de ternura, construamos a paz evangélica que não exclui ninguém”, recomenda o Santo Padre, acentuando a importância de se praticar a paz na relação com os outros e de se construir uma paz que inclua os jovens e as crianças.

 

No vídeo, realizado pela Rede Mundial de Oração do Papa, Francisco realça o valor de se saber ouvir quando se comunica com os outros e de nos adaptarmos a cada contexto tal como fazia Jesus.

 

A preocupação do Sumo Pontífice da Igreja Católica em promover a paz sobretudo junto dos mais novos compreende-se ao saber que 90 por cento das vítimas civis nos conflitos armados são mulheres e crianças e que, durante 2017, houve 21 mil atos de violência grave contra  menores (dados da ONU). Segundo a Agência das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), há 68,5 milhões de pessoas deslocadas à força no mundo, 25,4 milhões são refugiados, 40 milhões são deslocados internos e 3,1 milhões requerentes de asilo.

 

O Conselho Episcopal Latino-americano (CELAM), fazendo eco do convite do Papa Francisco, lançou a campanha “Precisamos no mundo inteiro: Zero Violência, 100% de Ternura”. A mobilização social de caráter ecuménico atravessa toda a América Latina e o Caribe, desde a fronteira do México com os Estados Unidos até a Patagónia. Denuncia assim as diversas formas de violência contra as crianças e propõe a ternura como caminho para promover a vida e a dignidade dos menores. O Movimento Eucarístico Juvenil (MEJ) na América Latina e no Caribe apoia esta campanha.

 

O diretor internacional da Rede Mundial de Oração do Papae do MovimentoEucarístico Juvenil, P. Frédéric Fornos, sj, defende que “a paz entre os povos começa nas nossas relações quotidianas, quando na rua me encontro com o outro, em particular quando o outro é diferente de mim, pela sua linguagem e cultura”.

 

“A paz e a harmonia entre os povos da terra começa assim, nas ruas, nas casas, nas minhas atividades e na minha família, rejeitando o medo do outro e respeitando-o”, refere.

  

As intenções de oração são confiadas mensalmente à Rede Mundial de Oração do Papa, que congrega cerca de 35 milhões de pessoas em todo o mundo. O Vídeo do Papa, que conta com o apoio da Rede Mundial de Oração do Papa – Portugal, é produzido pela La Machi – Comunicação para Boas Causas, com o apoio da Companhia de Jesus,Indigo Music,GettyImagesLatam,Doppler Email Marketinge a colaboração de Vatican Media. Tem como parceiro de média a Aleteia. Desde o seu lançamento, em janeiro de 2016, já teve mais de 25 milhões de visualizações nos seus canais próprios.

 

O Vídeo do Papa, que é possível graças à ajuda desinteressada de muitas pessoas, pode ser visto na Página da internet, oficial, de O Vídeo do Papa, através do Canal do Youtube de O Vídeo do Papa e na Página do Facebook de O Vídeo do Papa.

 

[Comunicado enivado para o iMissio]

O portal iMissio é um projeto de evangelização iniciado em 2012, que tem tido como objetivo dar voz a uma comunidade convicta de que a internet pode ser um ambiente de evangelização que desafie o modo de pensar a fé. Tem pretendido ser espaço de relação entre a fé, a vida da Igreja e as transformações vividas atualmente pelo Homem.

Subscrever Newsletter

Receba os artigos no seu e-mail